sexta-feira, 13 de novembro de 2009

Licor de Chocolate

Licor de Chocolate


O seu corpo todo nu e suado
Tatuado com os caracteres do amor
E tateado com prazer...
Tem o sabor do pecado consumado
Que não da pra resistir.

Esta miscigenação na tua cor bronzeada
É uma tentação desejada...
Ah! O teu cheiro é tão suave,
Comparo-o ao perfume de uma flor
És a paixão que desejo consumir.

Meu licor de chocolate
Que embebeda minh’alma
Deleito-me na beleza de teus seios
E de loucura perco a calma
Pelo volume da silhueta bem marcada,
Vem...
Faz de mim escravo do seu amor.



Cesar Moura

Nenhum comentário:

Postar um comentário